Passeios solidários para idosos e pessoas com mobilidade reduzida no Taguspark – Cidade do Conhecimento

2022-10-27T14:12:30+00:00Outubro 27, 2022|Notícias|

Passeios solidários para idosos e pessoas com mobilidade

reduzida no Taguspark – Cidade do Conhecimento

No âmbito do Mês do Idoso, a Pedalar Sem Idade realizou vários passeios para idosos e pessoas com mobilidade reduzida, no dia 24 de outubro no Taguspark – Cidade do Conhecimento. Os passeios foram realizados num trishaw, veículos com um assento duplo na dianteira, com capacidade para 2 pessoas, guiados numa bicicleta elétrica por colaboradores voluntários da Novartis Portugal. Esta iniciativa, que pretende combater o isolamento social e promover o envelhecimento ativo, é especialmente relevante num país como Portugal, o quarto país mais envelhecido do mundo e onde o risco cardiovascular é também muito elevado.

A iniciativa marcou, ainda, o arranque de uma campanha de angariação de fundos para a aquisição de um novo trishaw que passará a servir a população idosa e com mobilidade reduzida do concelho de Oeiras. Com este novo equipamento, a Pedalar Sem Idade estará mais próxima de todos os que sofrem de solidão e de isolamento não-desejado no concelho, combatendo este fenómeno com os seus passeios solidários e com as suas equipas de voluntários. O movimento espera conseguir passear mais de mil pessoas por ano e devolver a estes cidadãos o direito ao vento nos cabelos.

Testemunhos:

“A CMO associou-se à Pedalar sem Idade e à Novartis Portugal, membro da Rede do Programa Oeiras Solidária, numa iniciativa de passeios solidários, ligada ao Mês do Idoso, que prossegue o objetivo de minimizar a solidão e promover a saúde e a mobilidade de munícipes mais idosos. Através do recurso a veículos trishaw que terão como passageiros os beneficiários das instituições participantes, é fomentado o contacto com os colaboradores da empresa num dia diferente e divertido, promotor do envelhecimento ativo, numa perspetiva de intergeracionalidade e bem-estar,” afirma a Vereadora da Câmara Municipal de Oeiras, Teresa Bacelar.

Para Eduardo Baptista Correia, CEO do Taguspark, “iniciativas como a “Pedalar Sem Idade” contribuem para um envelhecimento mais ativo e para a integração em comunidade, de acordo com o ADN do Taguspark. A Cidade do Conhecimento acolhe, na Praça Nelson Mandela, esta iniciativa que vem dar destaque à interação intergeracional e ao espírito de empatia, para que seniores ou pessoas com mobilidade reduzida ou que sofrem de solidão e de isolamento não-desejado possam disfrutar de momentos alegres, de boa disposição e ainda contribuir para um estilo de vida saudável”.

“A Pedalar Sem Idade pertence a um movimento internacional sem fins lucrativos que combate a solidão não desejada e o isolamento social de seniores ou pessoas com mobilidade reduzida, através de passeios de trishaw, realizados por pilotos voluntários devidamente treinados. A possibilidade de voltarem a viver as ruas da sua cidade, de conversarem e de serem valorizados, acrescenta benefícios reais para os passageiros, mas também aos pilotos voluntários que oferecem o seu tempo a quem já deu tanto à sociedade. A Pedalar Sem Idade não é só sobre bicicletas, mobilidade ou sustentabilidade. É sobre relações humanas e generosidade para com quem não tem acesso aos pequenos prazeres da vida”, esclarece Margarida Quinhones, Diretora Executiva da Pedalar Sem Idade.

Conheça outras noticias aqui.